A Luz - por Jose Lopes da Nave

A Luz - por Jose Lopes da Nave
A LUZ
 
 
 
Noite! Noite tão fria e tão escura,
 
Onde meu ser vagueia sem abrigo,
 
Sempre só e, tão cheio de amargura.
 
Sem ter p’ra repousar um peito amigo.
 
 
 
Mas, eis que na noite escura resplandece
 
A estrela que, há muito procurava.
 
E em torno desta luz tudo fenece.
 
Desponta para mim a madrugada!
 
 
 
E o dia vem. Com ele a claridade
 
Que há-de alumiar meu coração
 
De ternura, de amor e de saudade
 
 
 
Que destes dias felizes ficarão,
 
Para sempre, anjo meu! Na eternidade,
 
Teremos deste amor recordação.
 
 
 
José Lopes da Nave
 
 
 

Conheça outros parceiros da rede de divulgação "Divulga Escritor"!

 

       

 

 

Serviços Divulga Escritor:

Divulgar Livros:

 

Editoras parceiras Divulga Escritor