ADOLESCENCIA: transição de valores de informações e vários rituais de passagens - por Fabiana Juvêncio

ADOLESCENCIA: transição de valores de informações e vários rituais de passagens - por Fabiana Juvêncio

ADOLESCÊNCIA: transição de valores, de informações e vários rituais de passagens

 

A adolescência é uma fase de transição. Transição de valores, de informações e caracteriza-se por vários rituais de passagens. O corpo começa a mudar devido à revolução hormonal que é instalada. Os adolescentes começam a ter o corpo sexuado do adulto. (AZEVEDO; GUERRA, 1998).

E uma época da vida humana marcada por profundas transformações fisiológicas, psicológicas, pulsionais, afetivas, intelectuais e sociais vivenciadas num determinado contexto cultural. Mais do que uma fase, a adolescência é um processo com características próprias, dinâmico, de passagem entre a infância e a idade adulta (SPRINTHAL; COLLINS, 1999).

A infância e adolescência são períodos em que se considera que o sujeito está em desenvolvimento, logo em processo de construção da identidade e aquisição de valores. Desta forma, crianças e adolescentes ainda não têm a maturidade física, psicológica e jurídica para fazer uma opção voluntária de vida (SPRINTHAL; COLLINS, 1999).

A adolescência compreende a faixa etária entre 10 e 19 anos, segundo definição da Organização Mundial de Saúde (OMS, 1965) e, de acordo com o Estatuto da Criança e do Adolescente – ECA (Lei n 8069 de 13/07/90) é considerado adolescente o indivíduo entre 12 e 18 anos de idade (BRASIL, 1990).

Essa fase constitui um período de intensas modificações. O processo de crescimento e desenvolvimento, assim como as características psicológicas peculiares dessa fase da vida e o contexto social em que o adolescente está inserido, determinam maior vulnerabilidade desse grupo aos agravos, colocando-o na condição de maior suscetibilidade às mais diferentes situações de riscos, como gravidez precoce, doenças sexualmente transmissíveis (DST), acidentes, diversos tipos de violência, uso de drogas, evasão escolar, etc. conforme relata a Organização Mundial. Os adolescentes são pessoas com qualidade e características específicas que têm um papel interventivo e responsável a desempenhar, tarefas a realizar e capacidade a desenvolver, num momento particular da vida (SPRINTHALL; COLLINS, 1999).

Pode-se dividir a adolescência em dois períodos. O primeiro, a que se chama puberdade ou adolescência pubertária, começa sensivelmente entre os 10-12 anos nas meninas e dos 12-14 anos nos meninos. É caracterizado por grandes alterações físicas e psicológicas (MIGUEL, 1990, SAMPAIO, 2000). No segundo período da adolescência, que decorre entre os 15 e os 20 anos, predominam os aspectos do desenvolvimento psicossocial (GABEL, 1997).

Outra referência de adolescência é cronológica e resulta de um amplo consenso produzido pelo movimento social em defesa dos direitos da criança e do adolescente no Brasil, principalmente por ocasião da elaboração e aprovação do Estatuto da Criança e do Adolescente (entre os anos de 1988 e 1990) (BRASIL, 1990).

 

 

Conheça outros parceiros da rede de divulgação "Divulga Escritor"!

 

       

 

 

Serviços Divulga Escritor:

Divulgar Livros:

 

Editoras parceiras Divulga Escritor