Agora - por José Sepulveda

Agora - por José Sepulveda

Agora

 

Adivinhei que o teu sorriso lindo

Andava a esconder algum segredo...

Olhei-te bem nos olhos... Fui seguindo

A tua oculta história e seu enredo.

 

Olhei de novo. O brilho das estrelas

Iluminava o mundo ao ter redor

E através das tuas iris belas

As minhas recebiam teu amor.

 

Toquei no teu cabelo farto, claro,

E ao vê-lo descaír pelo teu ombro,

Senti no seu brilhar tão leve e raro,

Meus olhos que te olhavam com assombro.

 

Agora, quero ver teu corpo aberto 

A dar-se para mim com alegria

Sentir teu coração, vê-lo desperto

Para me amar, amor, em cada dia.

 

José Sepúlveda

 
 
 

Conheça outros parceiros da rede de divulgação "Divulga Escritor"!

 

       

 

 

Serviços Divulga Escritor:

Divulgar Livros:

 

Editoras parceiras Divulga Escritor