Alla Arriba - por José Sepulveda

Alla Arriba - por José Sepulveda

Ala Arriba

 

O povo corre aos gritos pela areia

E, atónito, olha aquela embarcação

Que luta contra as águas que em cadeia

Irrompem pelo barco em turbilhão

 

Há remos que se agitam, gente aflita

E paira o desalento pelo ar

A gente já não chora, já não grita,

Ao ver tragado o barco pelo mar

 

Mas logo um grupo irrompe mar adentro

Com ousadia, alheio ao sofrimento,

Remando até chegar á embarcação

 

E em gestos de coragem singular

Intentam dessas águas resgatar

Os seus heróis em plena salvação

 

publicado em 26/03/2014

 

 

Conheça outros parceiros da rede de divulgação "Divulga Escritor"!

 

       

 

 

Serviços Divulga Escritor:

Divulgar Livros:

 

Editoras parceiras Divulga Escritor