Almir Neves - Entrevistado

Almir Neves - Entrevistado

Por Shirley M. Cavalcante (SMC)

 

Almir Edson Ferreira Neves (Almir Neves) nasceu, trabalhou e estudou em Catanduva, onde cursou até o 1º ano de Letras na Faculdade de Ciência e Letras de Catanduva. Lá, residiu até meados de agosto de 1991. Foi um dos membros fundadores do Grupo de Poesias Guilherme de Almeida com outros poetas Catanduvenses. Após, radicado em Araraquara, trabalha como Servidor Público. Foi um dos membros fundadores do Grupo Movimento Poesia de Araraquara em 1994. Participou do Livro Antologia 1998 - Poesias e Contos da Faculdade de Bragança Paulista, com a poesia “Humano”. Divulgou novas poesias no Projeto Painel da Biblioteca Municipal de Araraquara em 2012. Participou da Antologia de Poetas Brasileiros Contemporâneos vol.97 pela CBJE, em 2012.

Participou também em revista da área e em várias Antologias Nacionais. Divulgou suas poesias em livro em 2013, editadas pelo Clube de Autores.

 

“Com o impacto emocional da palavra o poeta abre a porta da alma isso me encanta e também tem o seu preço a pagar. Não importa se há rima, versos brancos, versos métricos.”

 

Boa Leitura!

 

Escritor Almir Neves é um prazer contarmos com a sua participação na Revista Divulga Escritor, conte-nos o que o motivou a ter gosto pela escrita literária?

Almir Neves - Para mim é importante contar com vosso trabalho.

O dia em que entrei na chuva começou por volta de 1977 em Catanduva com um Festival de Música, o evento foi no espaço onde era de um Cinema, no palco do Cine Bandeirante. Havia a presença de muitos jovens torcendo por seus candidatos preferidos e o clima era de alegria. Essa imagem despertou-me em querer também escrever letras de música. Para que no próximo Festival eu estivesse participando e vivendo aquele clima de vibração e sentir-me como compositor. Fui buscar em mim onde estava a referência de gostar de música.

Reportou-me ao tempo de criança quando ficava na casa de minha avó lá eu adorava ouvir meus tios falar sobre os músicos, compositores e dos poetas da época.

 

Como foi a seleção dos textos poéticos que compõe o livro “Semente de Palavras”?

Almir Neves - Procurei em meus trabalhos os poemas mais maduros, composto desde 1977 a 2014 quando fiz a seleção. Tanto que após, resolvi publicar o livro ‘Alma poeta’ para os leitores mais atentos perceber os trabalhos iniciais e o crescimento com o envolvimento no ofício poético.

 

Quais critérios utilizados para escolha do Título?

Almir Neves - A força da palavra em buscar retratar a realidade e a dimensão da mensagem que os versos provocam nos leitores levam-no a reflexão e toda reflexão é uma seara nova que ventila, harmoniza em novos pensamentos. Imaginei essa ideia como semente.

 

Qual a mensagem que você quer transmitir ao leitor através dos textos que compõe a obra?

Almir Neves - Os poemas quando portam mensagens trazem bons sentimentos, mas a maioria deles portam variados sentimentos, emoções que extrapolam o campo da mensagem. Com os temas mais diversos. Dentro da condição humana.

 

O que mais o encanta nos textos poéticos?

Almir Neves - Considero a poesia como uma ferramenta de manifestação muito forte. Através da qual há todo um universo para ser explorado, desvendado. Com o impacto emocional da palavra o poeta abre a porta da alma isso me encanta e também tem o seu preço a pagar. Não importa se há rima, versos brancos, versos métricos. Todos tem as possibilidades de criação para praticar essa energia chamada vida, viver.

 

Deixe-nos um dos poemas apresentados no livro para apreciação de nossos leitores

          Mutação

Por um momento

Fiz da guerra: oração.

Do dia o descanso.

Das rusgas, melodia.

Da separação uma dança.

Da lagrima, pérola.

Alguns podem tê-la.

Da partida esperança.

Da prisão fiz a janela.

Fiz do sofrimento, a brisa.

Mesmo que por um instante.

Para o sonho, espaço e laço.

Para a noite, o instrumento.

Contemple em serenata.

Fiz da paixão o vinho.

Da dor o caminho.

Das raças o abraço.

Da fala anciã

Da aversão o imã.

Da vida, poesia.

Das cinzas o recomeço.

Do vazio, o fundo.

Mesmo se não alcanças.

 

Onde podemos comprar o seu livro?

Almir Neves - Segue o link: http://www.editoragarcia.com.br/poesias/sementes-de-palavras

 

Qual o tipo de texto que gostas de ler?

Almir Neves - A leitura de reflexão e de linguagem poética.

 

O que mais o encanta na leitura destes tipos de textos?

Almir Neves - A leitura de conteúdo diversos contidas em obras literárias: de distração, de enlevo espiritual, de crescimento, de reflexão que amplia a minha visão do ser e do mundo ao redor.

 

Pois bem, estamos chegando ao fim da entrevista. Muito bom conhecer melhor o escritor Almir Neves. Agradecemos sua participação na Revista Divulga Escritor. Que mensagem você deixa para nossos leitores?

Almir Neves - Agradeço a essa entrevista pelo espaço oferecido. Agradeço aos leitores e amigos que já adquiriram minha obra. Uma obra literária na gaveta é sonho não realizado, deve alcançar o seu público. A não ser que seja por opção de seu criador não divulgá-la. As capas de meus livros são portas abertas, entre sem bater. Site do autor: www.valorextra.com  -  e-mail: poetalmir@gmail.com

 

 

Divulga Escritor, unindo Você ao Mundo através da Literatura

https://www.facebook.com/DivulgaEscritor

Contato: divulga@divulgaescritor.com

 

 

Conheça outros parceiros da rede de divulgação "Divulga Escritor"!

 

        

 

 

Serviços Divulga Escritor:

Divulgar Livros:

 

Editoras parceiras Divulga Escritor