Amar, agora e sempre - por Noka

Amar, agora e sempre - por Noka

Amar, agora e sempre!

 

Quando eu era criança

Ninguém morria perto de mim

Tudo florescia e nada padecia.

Qual alento, qual esperança…nem disso eu sabia!

Tudo era curado com pós de perlimpimpim.

 

Agora… cada alma levada

Que próximo de mim é ceifada

É como um pedaço arrancado

Cuja dor me faz pensar

Será a vida agora atordoada?

Porque tão breve aparecemos?

Como depressa sucedemos?

Tantas vezes sem conseguirmos respirar…

Todos os cheiros da terra,

Todas as cores do céu,

Todos os sentimentos da vida.

E assim penso, penso e volto a pensar

Se valerá a pena tamanho desassossego

Ou se mais será prudente

Amar esses próximos enquanto estão presentes?

 

E é esta presença sentida, que quero dar a respirar

Para que parcos cheiros não sintam

E cores floresçam em seus olhares

Neste mundo que é feito à dimensão

Do sentimento que temos para dedicar!

 

©Noka

 

 

 

Conheça outros parceiros da rede de divulgação "Divulga Escritor"!

 

        

 

 

Serviços Divulga Escritor:

Divulgar Livros:

 

Editoras parceiras Divulga Escritor