Ambulantes - por Eduardo Garcia

Ambulantes - por Eduardo Garcia

AMBULANTES

 

Olha o tumulto, olha a fila, dá pra todos...

Pregoava o vendedor de munguzá (canjica no nordeste). Quando olhei não havia ninguém, é a forma pitoresca dele vender o seu produto.

Olha o galetinho diz o Nado no Centro do Recife, nada mais e nada menos do que a sua pipoca.

Olha o melhor da integração, o amendoim oferecido no Terminal de Integração da Macaxeira no Recife, o passatempo da viagem, queres ou não queres diz outro vendendo a sua pipoca rumo à integração de Paulista, na Região Metropolitana do Recife, dentro do ônibus.

O Nês não passa mais na rua de casa, olha o Nês, Nês, tá gostoso... clamava ele para oferecer o seu doce japonês.

Hep, Hep, escuto dizendo para divulgar o seu doce, quando perguntado por quê?

Diz: - Para chamar a atenção e despertar a curiosidade.

Reporto-me à infância, sentava-me na calçada esperando o carrinho passar: hilz hilz, dizia, o cachorro quente só com mostarda como eu gostava, nos tempos idos em Montevidéu, ou os vendedores que ainda sobem aos ônibus e oferecem produtos dos mais variados e com repertório de fazer inveja, para uma caneta, uns quinze minutos de argumento.

Em São Paulo por muitas vezes ouvi: olha o curau, quentinho o curau, canjica no nordeste.

E assim vai, ouvindo as maneiras mais variadas de oferecer os produtos, os ambulantes são a alma viva do comércio, cheios de folclore e porque não, de senso de humor.

Olha a pamonha quentinha, vai pamonha aí madame, olha a tapioca.

Olha o sorvete, traga a bacia, um real, traga a bacia...

Aproveita meu povo, a dúzia de ovos baratinha, aproveita meu povo.

Está passando na sua rua o carro da economia, aí vendem de tudo. Aproveita meu povo.

O caminhão do gás está passando...

Aproveita meu povo, eles são ouvidos desde a época colonial, desde os tempos dos pregões, os pregoeiros, que anunciavam notícias, informavam a hora, existem muitos por aí, nas cidades, fixos e ambulantes, nos bairros, tomara que nunca acabem, fazem parte de nossas vidas e costumes e são opções de compra e diversão...

 

 

 

 

 

Conheça outros parceiros da rede de divulgação "Divulga Escritor"!

 

       

 

 

Serviços Divulga Escritor:

Divulgar Livros:

 

Editoras parceiras Divulga Escritor