Anjo Negro - por Paulina Rodrigues

Anjo Negro - por Paulina Rodrigues

Anjo negro

 

Chegaste de tua longa viajem como um belo anjo negro.

A me cortejar com um ardente olhar, sobre meu decote dourado!

 

Meu coração tão forte palpita, um mundo de emoções despencou dentro de mim.

Novamente o amor desabrochou, em meu coração as rosas do meu jardim!

 

O silêncio reinava entre nós, andastes pela casa como se procurasse alguém.

Veio em minha direção, segurou minhas mãos frias, me abraçou forte, abracei-te também!

 

Nossos corpos falavam, nossos lábios banhavam-se no mel de desejos, que escorria de nossa boca.

Não acreditava no que estava acontecendo...

Será que estaria acontecendo de verdade?

Ou estaria ficando louca?

 

Tudo era real e maravilhoso e aos poucos as carícias foram acontecendo, meu anjo negro conduzia tão bem essa vibrante dança que me deixei conduzir.

Dançamos conforme a música tocava corpos colados, sensualidade, suor a escorrer, amamo-nos no palco e esperamos por tudo de bom que ainda haveriam de vir!

 

Meu anjo negro, depois de dias desapareceu.

Com meses depois e sentindo a falta sua.

Fiquei feliz em saber que, estava esperando um filho seu!

 

Paulina Rodrigues

 

publicado em 24/05/2014

 

 

Conheça outros parceiros da rede de divulgação "Divulga Escritor"!

 

       

 

 

Serviços Divulga Escritor:

Divulgar Livros:

 

Editoras parceiras Divulga Escritor