Balé de Dois - Ítalo Anderson

Balé de Dois - Ítalo Anderson

Balé de Dois

 

Tarde é passado

Já se foi completamente

Carrossel não gira, sol não brilha

Já passou das dez

 

A lua se mostra, nua

Já não sinto meus pés

 

Somos uns bobos

Dançando, cantando

Como se a noite não tivesse fim

 

Correndo, sorrindo

Bailando a dois no jardim.

 

Retirado do livro “Gaveta Aberta” (2014)

www.facebook.com/GavetaAbertaLivro

http://www.livrariacultura.com.br/p/gaveta-aberta-42270216

 

 

Conheça outros parceiros da rede de divulgação "Divulga Escritor"!

 

       

 

 

Serviços Divulga Escritor:

Divulgar Livros:

 

Editoras parceiras Divulga Escritor