Catherine Marcelle - Entrevistada

Catherine Marcelle - Entrevistada

Baseado em fatos reais surge “A Amante de Hitler” da autora Catherine Marcelle

 

Por Shirley M. Cavalcante (SMC)

 

Formada em letras, a autora Catherine Marcelle, escreveu dois romances que estão disponíveis apenas em versão digital: "Lua Cheia - O Ritual Secreto" (1 de 3) - trilogia que narra a saga de Johana e Laurence, uma jovem bruxa e o filho do Duque de uma província da França da idade média e "A Casa 32" que tem um contexto bem diferente, fala de vida após a morte, do encontro e reencontro de almas, do amor que vai além dos mundos.

O livro "a  amante de hitler" é meu primeiro romance publicado (pela Editora 4 Letras) e é um romance de ficção inserido em uma narrativa histórica real. Conta a história de Karolynne e Adolf Hitler. Não se trata de uma tentativa de humanizá-lo, mas de colocar em foco a capacidade que todos temos de amar alguém, independente de nossas ideologias e convicções.

 

““A amante de Hitler” é um mergulho na vida do homem Adolf Hitler. É um romance fiel aos fatos reais, mas que se permite ser tocado pela magia da ficção.”

 

Boa leitura!

 

Escritora Catherine Marcelle é um prazer contarmos com a sua participação na Revista Divulga Escritor, conte-nos o que a motivou a escrever o romance “A Amante de Hitler”?

Catherine Marcelle - O prazer é todo meu. Estou muito feliz em poder falar do meu trabalho para vocês. O amor é sempre a minha maior motivação. O amor em estado bruto, não lapidado, aquele que existe “apesar de” e não “por causa de”.  

 

O livro narra uma história fictícia baseada em fatos reais, como foi o processo de pesquisa necessário para escrita do livro?

Catherine Marcelle - Foi um processo que exigiu um olhar minucioso sobre todos os fatos da vida de Adolf Hitler e das pessoas daquela época. As músicas preferidas, os lugares, a rotina.  Foi preciso mergulhar na Áustria e suas esquinas e nas ideologias que fomentavam o pensamento das pessoas.

 

O que mais a atrai em Karolynne?

Catherine Marcelle - Karolynne sou eu, é a moça da esquina. Ela representa a mulher que amou ou que ama e que se permite ser conduzida pelas emoções, sem culpa. Esse brilho que impulsiona, que vibra, é o que me encanta em Karolynne.

 

Comente um pouco sobre o livro?

Catherine Marcelle - “A amante de Hitler” é um mergulho na vida do homem Adolf Hitler. É um romance fiel aos fatos reais, mas que se permite ser tocado pela magia da ficção.

 

A quem você indica leitura do romance “A Amante de Hitler”?

Catherine Marcelle - Para todos aqueles que acreditam que, assim como uma flor delicada e cheia de perfume, o amor pode nascer e sobreviver nos terrenos mais hostis.  

 

Descreva o livro em duas palavras

Catherine Marcelle - Vou precisar mais de duas, mas não há definição melhor:

O sentido da vida.

 

Onde podemos comprar o seu livro?

Catherine Marcelle - Pela editora: www.editora4letras.com.br ou pelo e-mail catherinemarcelle.1224@hotmail.com

 

Qual o tipo de textos que gostas de ler?

Catherine Marcelle - Gosto muito de ler Irène Némirovsky e tudo o que se assemelha a seu estilo.

 

O que mais a encanta na leitura destes tipos de textos?

Catherine Marcelle - Textos que te levam ao universo sugerido pelo autor de forma que você se perca entre seus personagens, suas vidas, as calçadas, a cor da parede, a textura das roupas, são fascinantes. Se não me pego dentro daquele mundo, a leitura não me envolveu.

 

Pois bem, estamos chegando ao fim da entrevista. Muito bom conhecermos melhor “A Amante de Hitler” da autora Catherine Marcelle. Agradecemos sua participação na Revista Divulga Escritor. Conte-nos em sua opinião o que cada leitor pode fazer para ajudar a vencermos os desafios encontrados no mercado literário brasileiro?

Catherine Marcelle - Foi um grande prazer falar deste livro com vocês. É importante que os leitores brasileiros não se sintam apáticos na hora de fazer suas escolhas literárias. Sabemos que o “boom” de escritores e títulos lançados comprometeu consideravelmente a qualidade das obras e isso pode gerar uma repulsa instintiva por autores brasileiros mesmo antes de conhecê-los profundamente. Em consequência não há investimento, não há divulgação e o escritor se sente cada vez mais desmotivado. O leitor é a força que impulsiona o escritor. É preciso que leitores e escritores brasileiros se unam para que esse preconceito acabe e a nossa literatura seja mais bem difundida.

 

 

Divulga Escritor unindo Você ao Mundo através da Literatura

https://www.facebook.com/DivulgaEscritor

divulga@divulgaescritor.com

 

 

 

Conheça outros parceiros da rede de divulgação "Divulga Escritor"!

 

        

 

 

Serviços Divulga Escritor:

Divulgar Livros:

 

Editoras parceiras Divulga Escritor