Descobertas - por Ana Maria dos Santos

Descobertas - por Ana Maria dos Santos

DESCOBERTAS

 

Eu te procurava mas não te via.

Eu não era um cego.

Embora você gritasse ou se curvar-se

Eu não te ouvia.

Mesmo sem saber que existias

Eu te amava.

Dentro de mim correndo eu te seguia.

Quando me derrubou os teus olhos de vaga

Eu te amei a primeira vista.

Foste a música, a dança, o ritmo

Que embalo este coração aflito.

Foste tu que me descobriste

E me levas-te para fora

de mim mesmo.

Em ti me início.

Em ti estou residindo.

 

Ana Maria dos Santos

 

Conheça outros parceiros da rede de divulgação "Divulga Escritor"!

 

       

 

 

Serviços Divulga Escritor:

Divulgar Livros:

 

Editoras parceiras Divulga Escritor