Deuses do Egito, gregos e lendas do folclore brasileiro se encontram em RENATO E A TRASLADAÇÃO

Deuses do Egito, gregos e lendas do folclore brasileiro se encontram em RENATO E A TRASLADAÇÃO

Deuses do Egito, gregos e lendas do folclore brasileiro se encontram em RENATO E A TRASLADAÇÃO 

Com ilustrações do premiado artista Joe Bennett, livro do autor AJ Moraes é sucesso entre os leitores

 

Autor:                                    A.J. Moraes

Capa e Ilustrações:               Joe Bennett

 

E se o mundo tivesse mesmo acabado em 2012 sem que ninguém se desse conta? É sob essa atmosfera fantástica que se desenrola o enredo do livro infanto-juvenil Renato e a Trasladação. Ambientada predominantemente em Belém, a história de AJ Moraes traz aos leitores uma aventura universal repleta de mitologia a partir do mote da tradicional luta do bem contra o mal. Outro ponto alto da obra são as ilustrações do premiado artista Joe Bennett, que também empresta seu traço a alguns clássicos da Marvel e da DC Comics, as maiores editoras de quadrinhos do mundo – Ele assina as 46 gravuras divididas entre as quase 400 páginas do livro, bem como a capa em estilo épico. 

Além do cenário paraense, a trama se desenvolve em outros lugares nacionais, como Brasília, Belo Horizonte e Rio de Janeiro, e até em outros países como Peru, Bolívia e Itália. “Apesar do cenário principal, a obra não se fecha em regionalismos a fim de que possa ser apreciada sem determinação de fronteiras”, esclarece o autor do livro, AJ Moraes. A obra mistura várias mitologias em um único universo. Deuses do Egito, gregos e lendas do folclore brasileiro se encontram.

Com ritmo frenético, o final de cada capítulo gera uma expectativa pelo próximo. O autor mostra os bastidores da batalha milenar entre anjos e demônios. Contudo, longe de fazer alusão a uma religião específica, a saga se propõe a ressaltar a importância de se aprender a conviver respeitosamente.

 

SUCESSO

Para AJ, a repercussão da obra vem ocorrendo de forma positiva. “Estou muito feliz com o retorno dado pelos leitores. Há sempre a preocupação de alertar que não se trata de um livro religioso para não magoar ninguém. Tenho ouvido de muitas pessoas que elas se envolveram na história, mesmo algumas delas não sendo católicas. Até alguns ateus se disseram empolgados com a narrativa. Isso é muito recompensador, pois a ideia do livro é demonstrar que fazer o bem é o caminho para a evolução humana. Coexistir respeitosamente é a mensagem central”, alega.

A inspiração para a criação de uma saga infanto-juvenil, conforme o autor, surgiu enquanto cursava a graduação em Letras. “Pensei que se tivesse que fazer uma obra densa, uma aventura fantástica, nenhum lugar seria melhor que a minha terra. Fiz um estudo aprofundado de diversas mitologias ao redor do mundo e criei a história, que se passa durante a semana mais importante para os paraenses, independentemente de religiões: a semana do Círio de Nazaré”, revela.

AJ afirma que a opção pela valorização do universo local tem a finalidade de mostrar que é possível fazer uma abordagem regional despida de bairrismos. A ideia, de acordo com ele, é mostrar para os jovens que a nossa terra tem mitos tão espetaculares quanto os hollywoodianos. “Inclusive ouço muita gente comentar que adoraria ver uma adaptação para uma série de TV ou filme de longa metragem”, completa.

 

DO BRASIL PARA O MUNDO

A parceria com o Joe Bennett surgiu com a intermediação da produtora executiva do livro, Manú Moraes. “Ela entrou em contato com o Joe pela internet e ele se mostrou super acessível. Depois de algumas reuniões, ele topou embarcar no projeto, o que tornou a experiência algo espetacular. Ele é simplesmente um dos monstros sagrados dos quadrinhos internacionais e botou fé na obra a ponto de estendermos essa parceria para outros projetos nacionais e internacionais”, conta. Dentre os próximos passos do autor, ele adianta que estão projetos para os dois volumes finais da trilogia das aventuras de Renato, além da atuação como roteirista em Graphic Novels com desenhos de mestre Bennett.

            Joe Bennett completa este ano 30 anos de carreira no universo das histórias em quadrinhos, 20 deles voltados para o mercado internacional. Por meio da Marvel e da DC Comics, ele já assinou a ilustração de grandes clássicos, como Super-Homem, Homem-Aranha e Hulk. Em Renato e a Trasladação, Bennett revela que o que lhe chamou a atenção no projeto foi a possibilidade de trabalhar com o campo vasto e ainda pouco conhecido da realidade local. “O livro traz muito das lendas brasileiras, mas em uma linguagem universal”, alega. A atmosfera da literatura fantástica criada na obra, conforme o artista, é diferente de tudo o que se vê no mercado nacional atualmente. “Fiquei surpreso porque achei que eu não iria dar conta. Mas o resultado foi muito bom. Dei rosto ao personagem que ele (AJ) criou e as ilustrações funcionam como um complemento à leitura”, declara. Sobre seus próximos passos, Bennett faz mistério, mas garante que em breve terá novidades pela DC Comics e pela Marvel.

Serviço

O livro foi lançado de forma independente em Dezembro de 2013. Com o sucesso de vendas chegou a ser vendido na livraria Saraiva, uma das grandes do varejo editorial no Brasil, em 2014.

Em 2015 o livro foi lançado mundialmente pelo selo da Editora Chiado, uma das maiores da língua portuguesa. Está disponível para compras on-line nos seguintes endereços:

- Livraria Cultura:

http://www.livrariacultura.com.br/p/renato-e-a-trasladacao-15076300

- Amazon:

http://www.amazon.com.br/Renato-Traslada%C3%A7%C3%A3o-Armando-Moreira-Moraes-ebook/dp/B01262P8KG/ref=sr_1_1?ie=UTF8&qid=1454007755&sr=8-1&keywords=Renato+e+a+Traslada%C3%A7%C3%A3o

 

- Na Cidade de Belém do Pará:

Livrarias da Fox:

            - Doutor Moraes.

            - Doca.

- Parque Shopping.

 

 

Conheça outros parceiros da rede de divulgação "Divulga Escritor"!

 

       

 

 

Serviços Divulga Escritor:

Divulgar Livros:

 

Editoras parceiras Divulga Escritor