Dias de Gonçalves para todos os dias - por Rogério Araújo - Rofa

Dias de Gonçalves para todos os dias - por Rogério Araújo - Rofa

Dias de Gonçalves para todos os dias

Rogério Araújo (Rofa)

 

Que lindas imagens criadas pelo grande poeta

Retratando o Brasil “bonito por natureza”...

As palmeiras que nele existe

Onde cantam os sabiás com todo vigor

São incomparáveis mesmo às internacionais

Nada se compara ao seu canto e seu encanto

Uma brasilidade tão emocionante

Que poetiza esta nação de todo coração

Um país abençoado por Deus

Com um povo acolhedor, mesmo sofredor

Dribla as dificuldades na vida

E até se livra da fome e da morte

Das adversidades ocorridas sem esperar

O amor ao país era tão grande

Que desejava ao Senhor aqui retornar

Poeta romântico incorrigível,

Um dos mais amados e declamados

De muita emoção que viveu

E até pela sua morte ao ser esquecido

Deitado, doente, num navio

Quando retornava ao seu estado natal

E país amado, Brasil

Com toda inspiração e respirando fundo

Morreu sem ar afogado no mar

Já do país que demonstrou amar

Mas seus versos não morreram

Imortal se tornou pela sua obra

Mesmo não pertencendo à Academia

Que, aliás, nesta época nem existia

Seus versos são lidos e relidos

Por todas as épocas e períodos

Um grande escritor, poeta,

Na literatura brasileira e mundial

Exemplo e inspiração para muitos

Amantes da poesia, da nacionalidade,

Admiradores da beleza de um país lindo

E, acima de tudo, do amor pela vida

Parabéns, Gonçalves Dias!

Pelos cento e noventa e três anos

De nascimento, sempre renascidos,

A cada ano que passa e repassa

Demonstrando que nunca perde a majestade

Assim como o seu famoso sabiá! 

 

 

 

Conheça outros parceiros da rede de divulgação "Divulga Escritor"!

 

        

 

 

Serviços Divulga Escritor:

Divulgar Livros:

 

Editoras parceiras Divulga Escritor