Interferências - por Noka

Interferências - por Noka

Interferências 

 

Toca a música perfeita

Melodia de encantar

A interferência põe-se à espreita

O comprimento de onda, a incomodar

Perturba

Desmorona

Amotina

Desespera

Ensandece

Desafina

Acordes desordenados

Tenores

Sopranos

Contraltos

Em compassos adulterados.

Genuína frequência

Acabada de alcançar

Desapareceu a interferência

E a melodia deixou de tocar…

 

(Noka in ‘COMIGOS DE MIM’)

 

 

 

 

Conheça outros parceiros da rede de divulgação "Divulga Escritor"!

 

       

 

 

Serviços Divulga Escritor:

Divulgar Livros:

 

Editoras parceiras Divulga Escritor