Itárcio Ferreira - por Eduardo Garcia

Itárcio Ferreira - por Eduardo Garcia

Itárcio Ferreira

 

Nasceu em Carpina, cidade da zona da mata de Pernambuco, em 1962.

Com um ano de idade a poliomielite o abraçou como uma camisa de força a um louco, deixando seqüelas no seu corpo e na sua alma, mas também matéria para a poesia.

Publicou seu primeiro livro de poemas em 1983 – “Se Não Canto, Pelo Menos Grito”.

Também escreve  contos e teve um livro editado em 1981 – “A Construção e Outros Contos”. Em 2002 gravou um CD – “Maracatu Prá Ela” – via Sistema de Incentivo à Cultura do Estado (FUNCULTURA).

Em breve estreará um canal de música no YOUTUBE onde interpretará canções autorais.

Está lançando agora “Toda Colheita” com toda sua produção de poemas escritos desde 1979 até o final de 2015, seis livros em um só volume.

O FRUTO

 

O poema caiu de mim-árvore,

madurado,

na época certa da colheita.

 

Tinha no gosto

o acre de alguns momentos

de desencanto e tédio,

e o doce açúcar de outros,

como um beijo

na boca da amada

ou um amanhecer cor de fogo

com uma leve brisa

que tudo anuncia.

 

Havia ainda

a leve embriaguez

do álcool ou do sexo.

 

Ofereço-vos este fruto.

 

Que a sua polpa dê forças

ao vosso corpo

e suas sementes,

após secas e plantadas,

floresçam,

e que, enfim, a beleza

faça parte de vosso pomar.

 

Poema Acolhimento

 

https://2.bp.blogspot.com/-DHjfBgpOGyM/Vy3dZgsH8TI/AAAAAAAAAhw/1TJXQ_IrSg0Ew77O5fHEQWW9_qp5F9NEgCLcB/s1600/screedbot.gif

 

A poesia está para Itárcio como a música, talento assim distribuído em poemas de amor, de conflitos existenciais, amor ao próximo, contra todo tipo de preconceito, humanidade e o carinho pela natureza. Enfim Itárcio Ferreira.

 

Texto Pesquisa Comentários

Luis Eduardo Garcia Aguiar

Escritor – Jornalista – Diretor de Comunicação da UBE

DRT 6006/PE

 

 

Conheça outros parceiros da rede de divulgação "Divulga Escritor"!

 

        

 

 

Serviços Divulga Escritor:

Divulgar Livros:

 

Editoras parceiras Divulga Escritor