Laranjal - por José Sepúlveda

Laranjal  - por  José  Sepúlveda

Laranjal

 

Era domingo... A chuva ameaçava

Nessa manhã tão fresca e soalheira

Mas toda essa amizade convidava

A passear por terras da Junqueira

 

À porta,  a poetisa que aguardava

Nossa chegada, alegre, prazenteira

E as portas do seu lar nos franqueava

Com mil carinhos, pela vez primeira

 

Depois, no campo aberto, essas meninas

Colheram mil laranjas, tangerinas,

Do lindo laranjal, fartura, um ror

 

E olhando o seu sorriso, eu descobri

Uma alegria enorme... E então senti

Que é bom saborear o seu dulçor

 

José Sepúlveda

 

 

Conheça outros parceiros da rede de divulgação "Divulga Escritor"!

 

       

 

 

Serviços Divulga Escritor:

Divulgar Livros:

 

Editoras parceiras Divulga Escritor