Meu presente de aniversário - por Tito Laraya

Meu presente de aniversário - por Tito Laraya

MEU PRESENTE DE ANIVERSÁRIO

 

         Hoje, nas vésperas do meu dia, alguém a quem quero muito bem, me enviou, de muito longe, um vaso de lírios amarelos, ainda botões!

 

         Pus-me a pensar sobre o meu primeiro presente deste ano, que litúrgica e civilmente chega ao fim, e vi que alguma coisa a mais estava ali.

 

         Um vaso no centro da sala, onde todos amanhã irão ver, orna as flores um cartão, com os votos de felicidades.

 

         Pensei comigo, muitos hão de querer saber o significado de tão nobre gesto, e vi que as flores irão desabrochar. Este alguém havia me dado um sonho, uma esperança de um encantamento.

 

         No dia seguinte elas estarão mais bonitas, e assim dia após dia. Por mais tempo elas irão ornar a minha mesa, e encantar o meu espírito.

 

         Foi assim com a moça que me deu esse presentão! Quando a conheci, uma pessoa bonita, e um espírito cheio de disposição.

 

         Hoje, já se passaram anos, uma história de companheirismo, cumplicidade entre dois amigos que pouco se viram, muito falaram e muito construíram.

 

         Tenho certeza que para as coisas na vida darem certo o mais importante são confiança, e respeito mútuo, todo resto vem por acréscimo.

 

         E assim todo ano colhemos flores, que resplandecerão durante um ano, alegrar-nos-ão e frutificarão a nossa existência.

         Muito Obrigado, Shirley!

 

 

 

Conheça outros parceiros da rede de divulgação "Divulga Escritor"!

 

       

 

 

Serviços Divulga Escritor:

Divulgar Livros:

 

Editoras parceiras Divulga Escritor