Minha ânsia - por Roberto Mello

Minha ânsia - por Roberto Mello

Minha ânsia

 

Expresso em gestos teu querer

Manifesto desejar-te

Com lampejos de carícias

Aspiro ao meu baluarte.

 

Vivo um sonho com você

Acompanhar-te ao amanhecer

Aguardar ao alvorecer

A um novo dia renascer.

 

No aguardo deste acontecer

Horas voam com o vento

Minha ânsia sem acalento

Vejo chegar o anoitecer.

 

Vivendo nesta esperança

Crio fantasmas todo dia

E guardando na lembrança

Sua voz tal qual melodia.

 

Essa melodia em lembrança

Vivo ao dia com esperança

Chegar ao fim da minha ânsia

Realizando esta aliança.

 

Esta aliança não é vaidade

E não é subjetividade

Mas sim a complexidade

De sua graciosidade.

 

 

 

 

 

Conheça outros parceiros da rede de divulgação "Divulga Escritor"!

 

       

 

 

Serviços Divulga Escritor:

Divulgar Livros:

 

Editoras parceiras Divulga Escritor