Não cabe - por Antonio Montes

Não cabe - por Antonio Montes

NÃO CABE

E essa saudade que vem de tão longe?!
Que invade o meu peito
Me deixa sem jeito
E essa solidão que no meu coração
expande?
Às vezes me traz lembranças...
Às vezes me traz lagrimas e eu choro.
Quando ela entra pela noite...
Bate no meu sono e eu sonho...
Sonho e acordo pensando ou ate chorando
Quando ela aparece pelo dia...
Turva os meus olhos, aperta o meu peito
Esmorece os meus braços e sem abraço
eu padeço. Deus meu... Meu Deus!
Eu sei, sei tudo, mas não mereço...
Eu não mereço ser judiado assim!
Pelo sentimento que não posso abraçar
Pela distancia que não posso voar
Eu não mereço viver apenas de sonho
Eu não, não posso mais sonhar!!!
O meu coração não cabe tantos sonhos
O minha paixão já não cabe tanto amar.

Antonio Montes 01/12//14

Conheça outros parceiros da rede de divulgação "Divulga Escritor"!

 

       

 

 

Serviços Divulga Escritor:

Divulgar Livros:

 

Editoras parceiras Divulga Escritor