Nosso Lar - por Christina Hernandes

Nosso Lar - por Christina Hernandes

Nosso Lar

 

Lugar onde se recebe tudo, água impede  o colapso pela desidratação,  alimento  protege da inanição  nutrindo cada ser  dia pós dia,    flora  traz a limpeza no gás carbônico o transformando em outro grande tesouro da vida,  o oxigênio bombardeando a todo o instante o ar que se respira mantendo tudo e todos vivos,  fauna aponta a todo instante de que matéria se veio , o átomo, não sendo portanto a raça humana seres superiores ou mais inteligentes por mais que se insista em ser melhor, sempre.

Não entende até que chega a velhice que a vida é vivida em um dia, não na contagem que se faz cronológica que pode demorar setenta,oitenta, vinte anos dependendo do caminho que se trilha e dos riscos que  tornam todos igualmente vulneráveis.

É  uma viagem que se inicia com o  nascimento momento este em que já  começa a despedida,   dia a dia conforme os segundos, minutos e horas vão passando , mesmo  que não se aceite.

Conforme se entende o que é superioridade, o ser humano começa sua arbitrariedade diante da própria vida e dos demais seres que estão ao seu redor.

Dizer que a solidariedade, o companheirismo faz parte do entrelaçar da convivência é a tendência global para não se dar de topo com a triste, porém realista constatação  de que o ser humano é egoísta por natureza, competitivo até as ultimas conseqüências, ganancioso sem limites, vaidoso muitas vezes narcisista, violento sem piedade, destituído muitas vezes de amor próprio quem dirá para com o próximo.

Dizer em que momento tudo isso começou, quem sabe desde que o ser humano se reconheceu como espécie lá nos primórdios do inicio da vida na terra quando ainda nada havia , vida como se conhece ,apenas os micro-organismos e tantas outras coisas que propiciaram que o planeta se transformasse nesse gigante azul.

Com certeza nota-se que o ser humano não fez a coisa certa, o planeta agoniza sem nossa piedade, sem nosso arrependimento, é preciso ser justo, alguns seres humanos se preocupam e até já perderam suas vidas em prol da preservação do planeta mas a grande maioria por ignorância, falta de tempo, não estar nem ai vai levando a vida como se aqui fosse um lugar qualquer, pendurado sabe se lá onde e sabe se lá como tendo apenas a função de nos servir até a sua exaustão, onde todos seus recursos criados de maneira sistêmica não fosse importante para que a vida se perpetue.

Diante disso,  às vezes parece que os humanos já se deram conta de que fez tudo errado e não tem mais como voltar o tempo, não têm um Super Homem que vai girar o planeta do lado contrario e retroceder ao passado e iniciar a vida com outro compromisso, com outro olhar , da Paz , da Luz....

Ser eternamente errante, destruidor e vil  está impregnado  nas entranhas de cada um , mesmo que alguns não tenham tido a intenção . Ser devedor sem ter como pagar a divida sem ter como reconstruir o que foi destruído, é a marca que fica sem que nunca se possa apagar como uma tatuagem que irá permanecer na pele como sombra diariamente na existência de todos os seres humanos desse lugar que não se reconheceu e talvez nunca seja reconhecida como o único, brilhante, seguro : Nosso Lar.

 

 

 

 

 

Conheça outros parceiros da rede de divulgação "Divulga Escritor"!

 

       

 

 

Serviços Divulga Escritor:

Divulgar Livros:

 

Editoras parceiras Divulga Escritor