Nunca passa - por Antonio Montes

Nunca passa - por Antonio Montes
NUNCA PASSA
 
Oi mãe?! Eu tenho aqui no meu peito
uma saudade que sem você, ela nunca
passa. Confesso que quando eu vivia
do seu lado, parecia que essa saudade
não existia, e na verdade eu nem sabia
que um dia, longe de você, essa 
saudade iria me pegar. Hoje sem você
mãe... Essa saudade quer me destruir.
Em momentos de solidão eu fico
recordando de ti, lembro-me do
carinho da fé que você depositava em mim
Eu sei mãe que você sempre acreditou
em mim, e do seu lado, na hora da minha
angustia eu corria para o teus braços.
Hoje mãe, em vez dos braços teus eu 
tenho saudades, mas são tantas! Que o 
meu coração bate apertado no peito
E dos meus olhos despencam lagrimas 
quando em minha solidão eu recordo você.
Mãe passou tantas coisas em minha vida
mas você mãe, você nunca passou!
Olha mãe eu até confesso que você nunca
ira passar.
 
Antonio Montes 18/10/14
 
 
 

Conheça outros parceiros da rede de divulgação "Divulga Escritor"!

 

       

 

 

Serviços Divulga Escritor:

Divulgar Livros:

 

Editoras parceiras Divulga Escritor