Paraty - por Ione Kadlec

Paraty - por Ione Kadlec

PARATY

 

Nesta terra

Feita de séculos e séculos

Calhou a ti ser Paraty

Para mim, para todos nós.

Ruas de pedras batidas

Ontem apoiavam o trotar

De quem não tinha pressa

Cocadas, doces, raparigas.

Suspirar lento, bordado nos lenços.

Desenhos que, hoje, a máquina faz.

Mil e seiscentos, setecentos, oitocentos.

Passaram o ciclo do Ouro e do Café

Continua o cantar dos pássaros

A água a se agitar

A fé

Na igreja Santa Rita

Trilhas

Pousadas pousando devagar

Cachaças, empório, pimenta

Escunas deslizando

Sol descendo animado

Histórias da Cidade Histórica

Temperos de Paraty

 

 

 

Conheça outros parceiros da rede de divulgação "Divulga Escritor"!

 

       

 

 

Serviços Divulga Escritor:

Divulgar Livros:

 

Editoras parceiras Divulga Escritor