Perdão - por Lígia Beltrão

Perdão - por Lígia Beltrão

Perdão

 

Percorria a minha estrada a sonhar

De repente perdi o rumo de mim mesma

Procurei razões e tive os sonhos embaraçados

Desesperei-me e não tive como voltar.

 

Segui andando e ouvindo os ecos da minha dor

Sentindo-me pássaro engaiolado, sem horizontes.

Desnudei-me dos anseios que ainda tinha

E me vi desfolhada pelo tempo, triste flor.

 

Chorei a amargura de cada dia

Amaldiçoei as insônias das longas noites

Escuras, sem estrelas, luar ou paz...

O coração túmido de dor no peito batia.

 

Vida desfeita e partida em mil pedaços

Tantos desejos quebrados, largados no tempo,

Enquanto o tempo voraz devora-me impiedoso

Até que acordei e fui catar meus estilhaços.

 

Comecei devagar a sonhar outra vez

Fazendo planos matei desenganos e sorri

Coração refeito cantou ao mundo o meu amor

Ao te encontrar...  Perdoei a vida o que ela me fez!

 

 

 

 

Conheça outros parceiros da rede de divulgação "Divulga Escritor"!

 

       

 

 

Serviços Divulga Escritor:

Divulgar Livros:

 

Editoras parceiras Divulga Escritor