Poética Calvino - por Roberto Mello

Poética Calvino - por Roberto Mello

Poética “Calvino”

 

Diante da leitura “Institutas”

A alma se encanta ou se questiona.

Então, resgata-se tal dualidade;

Trazendo à baila lembranças medievais

Sufocadas por conflitos casuais ou causais

Desmistificando teorias lendárias

Que outrora, conhecidas como trevas;

Mescladas por vaidades monetárias.

 

Retratar a unicidade da reforma de Calvino

Sem citar a harmonia do iluminado Lutero

É o mesmo que transgredir a sábia ideologia

Ofuscando o presente pela neblina da agonia.

 

Assim sendo...

 

Que haja entendimento

Sem constrangimento.

Que manifeste o conhecimento

Com total embasamento.

E que floresça com sapiência tal magnitude

Pelas reais ideias e ideais

Em prol da verdadeira e equilibrada atitude

Sem o foco da ambição e lixos materiais.

 

 

Conheça outros parceiros da rede de divulgação "Divulga Escritor"!

 

        

 

 

Serviços Divulga Escritor:

Divulgar Livros:

 

Editoras parceiras Divulga Escritor