Procuro - por Ivan Perdigão

Procuro - por Ivan Perdigão

Procuro

 

Pelas ruelas da cidade

Pelos passeios gastos e velhos

Entre os postes e a sua fraca luminosidade

Entre os povos cansados

Eu procuro…

 

Eu procuro...

 

No meio do trânsito atabalhoado

O som das buzinas e o cheiro do dia terminado

Entre os olhares suspeitos e cúmplices

Entre pesados semblantes

 

Entre o pó e a respiração ofegante

O suor dos suados

Entre conhecidos e desconhecidos

O anónimo calado e falante

Eu procuro…

 

Entre noites e dias

Pensamentos e ideias

Entre os ruídos e conversas

Entre desabafos e confidências

Eu procuro…

… e não encontro….

… o teu sorriso…

Ivan Perdigão  Lubango 29/04/2012

 

 

 

Conheça outros parceiros da rede de divulgação "Divulga Escritor"!

 

       

 

 

Serviços Divulga Escritor:

Divulgar Livros:

 

Editoras parceiras Divulga Escritor