Que tal contar até 10 - por Isi Golfetto

Que tal contar até 10 - por Isi Golfetto

Enquanto suspiramos por uma vida sem dificuldades devemos nos lembrar que o carvalho cresce forte através de ventos contrários e que os diamantes são formados sob pressão." Peter Marshall

 

Que tal contar até 10? Por Isi Golfetto

 

Quer me acompanhar na contagem de 1 a 10... Vamos lá... 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10. 

Parabéns ! Se contou comigo até 10 podemos afirmar que você tem todo o potencial para resistir a muitas pressões.

Mas, se não contou não faz mal... Que tal voltarmos lá e contarmos?

Acredito que já tenha ouvido alguém comentar com você sobre a “técnica” de contar até 10 quando estiver sob pressão. 

Com essa técnica podemos adquirir o hábito de resistir com inteligência emocional, disciplina e autocontrole diante dos momentos difíceis, imprevisíveis, desconfortáveis. 

Ela vai nos dar um tempo para pensar antes de reagir, um tempo para respirar fundo e aos poucos vamos adquirindo o controle sobre a maneira como reagimos ao que acontece ao nosso redor. Tudo é uma questão de disciplina, determinação, força de vontade...

Você já ouviu falar sobre o Princípio 10/90 de *Stephen Covey?  

Segundo esse princípio 10% dos acontecimentos da vida estão relacionados com o que se passa com você (o controle não depende da pessoa), os outros 90% estão relacionados com a forma como você reage ao que se passa com você (dependem de autocontrole).

O que isto quer dizer?

Que nós não temos controle sobre 10% do que nos acontece, por exemplo: não podemos evitar que chova no dia que lavamos o carro ou que o nosso voo atrase... 

A boa noticia, contudo, é que nós podemos determinar como serão os outros 90% !

Como?

Com a nossa reação. Confira o Principio 10/90 de Stephen Covey na prática:

Você está tomando o café da manhã com sua família. Sua filha, ao pegar a xícara, deixa o café cair e respinga em sua camisa. Você não tem controle sobre isto. O que acontecerá em seguida será determinado por sua reação.

Então: você se irrita, a repreende severamente e ela começa a chorar. Você censura a sua esposa por ter colocado a xícara muito próxima à beirada da mesa. E, com a situação se instaura uma batalha verbal. Alterado e resmungando muito, você vai trocar de camisa. 

Quando volta, encontra sua filha chorando mais ainda porque ela acabou perdendo o ônibus para a escola. Sua esposa sai para o trabalho contrariada. Você, mesmo atrasado para chegar à empresa, tem que levar sua filha para a escola. Dirige em alta velocidade e é multado. Depois de 15 minutos de atraso, uma discussão com o guarda de trânsito e uma multa, vocês chegam à escola e sua filha desce sem se despedir. Ao chegar no estacionamento do escritório percebe que esqueceu a sua pasta em casa. 

Seu dia mal começou e parece que ficará pior. Você fica ansioso para que o dia acabe e quando chega em casa encontra sua esposa e filha de mau humor, em silêncio e frias com você.

Se você tivesse tido a chance de voltar a fita e refazer esta situação, colocando o Princípio 10/90, observe como seria o seu dia:

O café respinga em sua camisa. Sua filha começa a chorar. Então, você diz a ela, gentilmente: “está bem, querida, você só precisa ter mais cuidado.” Rapidamente troca de camisa e pega a sua pasta, volta, olha pela janela e vê sua filha pegando o ônibus. Dá um sorriso e ela retribui, dando adeus com a mão. Sua esposa ao sair lhe dá um beijo e diz que sente muito orgulho de você. Notou a diferença?

Duas situações iguais (10%), que terminaram muito diferentes. Por quê? Os outros 90% foram determinados por uma reação inteligente e de autocontrole.

Procure imaginar-se diante de algumas situações, por exemplo: Quando alguém o fecha no trânsito, como você reage? Fica transtornado? Bate no volante? Xinga? Sua pressão sobe, não é verdade? E, se você perde uma proposta ou um bom negócio? Perde o sono? Fica chateado? Se o voo atrasa? Muitas pessoas jogam toda a sua frustração sobre o funcionário do aeroporto ou sobre os outros passageiros.

Vamos ser francos: Onde está o lado positivo de todas essas reações? Imagine se as pessoas procurassem usar a liberação de toda essa carga de energia negativa de modo positivo.

Crie o hábito de praticar o Princípio 10/90 e aplique-o ao seu dia. Isso pode mudar a sua vida e fazer com que a vida das pessoas ao seu redor seja mais agradável.

Foi um prazer estar em sua companhia... então... vamos contar... 1, 2, 3...

Tenha uma excelente semana!

 

Abraços

 

Isi

 
 

Conheça outros parceiros da rede de divulgação "Divulga Escritor"!

 

       

 

 

Serviços Divulga Escritor:

Divulgar Livros:

 

Editoras parceiras Divulga Escritor