Rubens Silva - Entrevistado

Rubens Silva - Entrevistado

Por Shirley M. Cavalcante (SMC)

Rubens Silva mora em Santana, Estado da Bahia é Professor, poeta e escritor, atualmente exerce a função de Representante Territorial de Cultura no Território da Bacia do Rio Corrente, estado da Bahia. Participou da antologia Algumas Ficções, com o texto: Uma questão de fé, e da Coletânea dos melhores Contos, Crônicas e Poesias – Selecionados pela Associação Internacional de Escritores e Artistas Plásticos. É Licenciado em Letras e pós-graduado em Jornalismo Político, nasceu em Santa Maria, estado do Rio Grande do Sul.

Desde os quinze anos de idade esteve envolvido com a produção de textos em panfletos e pequenos informativos nas escolas onde estudou. Aprendeu a gostar de ler e escrever muito cedo, foi alfabetizado por sua mãe. Adora histórias em quadrinhos. Como escritor tem predileção por ler e escrever contos, crônicas e poesias. O que o levou a publicar três livros: Reminiscências (contos), Modesto Memorial (Crônicas) e Pétalas de Amor (Poesias).

Gostaria de ver o mercado literário brasileiro dando mais oportunidade para autores nacionais. Temos tantos talentos brasileiros, no entanto você entra em uma livraria brasileira em qualquer lugar do país os livros mais destacados nas suas gôndolas são livros estrangeiros ou de celebridades, artistas de televisão, participantes do BBB e jogadores de futebol;”

Boa Leitura!

 

SMC - Escritor Rubens Alves da Silva é um prazer contar com a sua participação no projeto Divulga Escritor, conte-nos o que o motivou a ter gosto pela escrita?

Rubens Silva - Sempre fui muito curioso, e adorava ler as revistas do Tio Patinhas, Pateta, Zorro, fotos novelas, quem não se lembra das fotos novelas das Revistas Capricho, Contigo e tantas outras? Eu brigava com minhas primas e primos por causa dessas revistas. Com quinze anos de idade fui internado em uma escola administrada por irmãos maristas em Santa Maria, o Ginásio Industrial Hugo Taylor onde hoje é o Mercado Carrefour, aí aprendi a ler os autores brasileiros clássicos, fui eleito Presidente do Grêmio Literário Casimiro de Abreu. Naquele tempo as escolas tinham seus Grêmios Literários, o que me obrigou a lidar com poesias de Castro Alves, Fernando Pessoa, Casimiro de Abreu e tantos outros, apresentações teatrais, recitais de poesias nas salas de aula como aluno. Essa vivência com a literatura, e também as atividades profissionais que exerci obrigavam-me a ler muito. Talvez isso tenha exercido certa influência no meu desejo de escrever e publicar meus livros.

 

SMC - Que temas você aborda em seu livro de contos “Reminiscências”? A quem você indica a leitura desta obra?

Rubens Silva - Comecei na verdade escrevendo contos para o site Recanto das Letras, não tinha nenhuma pretensão de escrever livros. Alguns textos que escrevi nesse site despertaram a atenção dos leitores, comecei a receber comentários elogiosos sobre meus contos, e eu acreditei. Daí surgiu o interesse de uma Editora de Londrina no Paraná em publicar um texto meu “Uma questão de fé” onde conto histórias das benzeduras e curas proporcionadas por minha mãe. Esse conto foi publicado numa antologia de textos de ficção chamada “Algumas Ficções”, foi a minha primeira experiência como escritor, me senti muito feliz em ver meu texto publicado em um livro. Os temas que abordo no meu livro “Reminiscências” são histórias do cotidiano, a maioria delas vivenciadas por mim durante minha infância e juventude. Rendeu mais de sessenta contos que por interesse de uma editora de São Paulo, que me fez uma proposta tentadora, surgiu então o meu primeiro Livro de Contos. Indico a leitura para as pessoas que gostam de contos, que tem histórias semelhantes de vivências com seus familiares, para quem gosta de se divertir lendo.

SMC - Que tipos de crônicas você nos apresenta em seu livro “Modesto Memorial”? Conte-nos um pouco sobre este livro.

Rubens Silva - Meu segundo livro já foi mais pensado, e é uma produção independente. Para publicá-lo eu utilizei os préstimos e a grande oportunidade oferecida gratuitamente pelo “Clube de Autores”. Recomendo a visita a esse portal que permite a qualquer pessoa que tenha o mínimo de conhecimento em informática a diagramar o seu próprio livro, além de oferecer cursos muito interessantes para quem deseja produzir seus livros. Como fiz com os contos que eu havia escrito no Recanto das Letras, também reuni em um livro só, todas as crônicas e dei o nome de “Modesto Memorial” que é uma coletânea de textos escritos em forma de crônica sobre tudo o que me aconteceu na vida e que eu fui lembrando e escrevendo.

 

SMC - O que mais lhe inspira a escrever poesias? Que mensagem você quer transmitir através de seu livro “Pétalas de Amor”?

Rubens Silva - As poesias que criei posso dizer que surgiram num momento de emoção, sei lá, a inspiração veio e eu comecei a escrever e elas saíram assim, sem mais nem menos. Posso dizer que não há uma receita para fazer poesias. O texto poético ou em prosa surge naturalmente. Eu costumo dizer que para mim o texto tem que provocar um “nó na goela”! (rsrs). É aquele texto que quando você termina de escrever e que você lê umas duas vezes, se emociona, e muitas vezes não acredita que foi você quem criou aquilo. Essa é a minha forma ou técnica para produzir um livro ou escrever um texto. Se ele não me provoca emoção, se ele não tem sentido para mim, escritor, o texto não presta. A mensagem que desejo transmitir a quem ler o meu livro “Pétalas de Amor” é que eles os leitores sintam a mesma emoção que senti ao escrevê-los. Só isso! transmitir emoção!

 

SMC - De que forma você, hoje, divulga o seu trabalho?

Rubens Silva - Tenho feito muito esforço divulgando periodicamente meus livros nas redes sociais, e agora estou muito feliz em poder dar esta entrevista para o seu blog que é mais uma oportunidade de divulgação dos nossos trabalhos. Sua ideia foi e é brilhante dando-nos esta oportunidade. Também pretendo fazer a divulgação dos meus livros em breve em eventos de lançamento ou em feiras de livros.

 

SMC - Onde podemos comprar os seus livros?

Rubens Silva - Meu livro “Reminiscências” pode ser adquirido por intermédio do site: www.biblioteca24x7.com.br ou pelo site da Livraria Cultura no Brasil inteiro: www.livrariacultura.com.br assim como pelo site: www.amazon.com é só digitar o nome do livro ou o autor na tela de busca e efetuar a compra sem problemas. Os meus livros “Modesto Memorial” e “Pétalas de Amor” podem ser adquiridos no site: www.clubedeautores.com.br do mesmo modo. Os leitores também podem ainda ler meus textos inéditos em livros acessando meu site pessoal: www.rubensasilva.com ou www.recantodasletras.com.br esses sites também disponibilizam mecanismos de busca e de compra de meus livros já publicados.

 

SMC - Pensas em publicar um novo livro?

Rubens Silva - Sim, pretendo publicar muitos livros mais, depende da minha inspiração, e da minha transpiração, de tempo e de condições propícias. A cabeça de um escritor vive fervilhando de ideias, projetos e emoções. De repente surge uma nova criação e publicarei no Recanto das Letras e no meu site pessoal. Acho que já tenho vários textos inéditos em livro e que podem fazer parte em breve de outro livro.

 

SMC - Escritor Rubens você hoje é Representante Territorial de Cultura do Território da Bacia do Rio Corrente, quais os principais projetos literários que são desenvolvidos pela Secretaria Estadual de Cultura do Estado da Bahia? Temos planos para novos projetos literários?

Rubens Silva - Na verdade essa função é fruto de um edital publicado pela Secretaria Estadual de Cultura do Estado da Bahia em que saí vencedor, concorrendo com mais quatro candidatos, e a estou exercendo temporariamente, o que posso dizer para os leitores é que a SECULT/BA está promovendo a V Conferência Estadual de Cultura do Estado e em breve haverá a III Conferência Nacional de Cultura em Brasília. Nessas conferências estão sendo discutidas inúmeras propostas que visam desenvolver as políticas públicas de cultura do país o que contempla também ações de desenvolvimento na área da produção literária, do desenvolvimento da indústria literária, ou seja, da produção de livros, dando maior oportunidade para os escritores baianos e nacionais.

 

SMC - Quem é o escritor Rubens Silva? Quais seus principais hobbies?

Rubens Silva - Rubens Silva é um homem normal, às vezes irreverente, teimoso, que como qualquer mortal trabalha e estuda honestamente em busca de um lugar ao sol como todos os escritores ou artistas. Acredito cegamente nas minhas amizades, até o momento em que por um motivo ou outro me decepcionem, e por razões óbvias as descarte sem muitos sentimentos ou lamentos. Gosto de ler. Leio tudo que passa pelos meus olhos, placas nas ruas, bulas de remédio, livros bons e ruins, os bons para aprender a escrever bem e os ruins para não repetir os erros e não ser um escritor medíocre. Sou leitor vorás de contos, crônicas e poesias. Adoro ler.

 

SMC - Quais as melhorias que você citaria para o mercado literário no Brasil?

Rubens Silva - Gostaria de ver o mercado literário brasileiro dando mais oportunidade para autores nacionais. Temos tantos talentos brasileiros, no entanto você entra em uma livraria brasileira em qualquer lugar do país os livros mais destacados nas suas gôndolas são livros estrangeiros ou de celebridades, artistas de televisão, participantes do BBB e jogadores de futebol; temos hoje em dia jogadores de futebol que muitas vezes não sabem nem falar e por que publicaram um livro ou uma revistinha em quadrinhos e dispõe de recursos financeiros são membros de academia de letras. As celebridades que publicam seus livros são imediatamente divulgadas nos programa televisivos como se fossem umas sumidades na literatura enquanto temos inúmeros escritores talentosos no país, mas que não têm recursos e nem têm influência são ignorados, basta entrar na internet para encontrá-los.

 

SMC - Pois bem, estamos chegando ao fim da entrevista, agradecemos sua participação no projeto Divulga Escritor, muito bom conhecer melhor o Escritor Rubens Alves da Silva que mensagem você deixa para nossos leitores?

Rubens Silva - Gostaria de dizer aos leitores que leiam, leiam, leiam cada vez mais. A leitura é muito importante, exercita o cérebro, proporciona conhecimento, diverte e melhora cada vez mais a nossa comunicação. Para os novos escritores eu gostaria de dizer que hoje, qualquer pessoa pode escrever e publicar um livro, a internet apresenta milhares de opções e formas gratuitas de divulgação de seus escritos. Experimente a sensação maravilhosa que é ter seus textos publicados em livros e dar uma entrevista como a que acabo de dar para a Jornalista Shirley M. Cavalcante. Muito obrigado pela oportunidade Shirley.

 

Participe do projeto Divulga Escritor

https://www.facebook.com/DivulgaEscritor

Conheça outros parceiros da rede de divulgação "Divulga Escritor"!

 

       

 

 

Serviços Divulga Escritor:

Divulgar Livros:

 

Editoras parceiras Divulga Escritor