Samba do poente - por Mirian M. de Oliveira

Samba do poente - por Mirian M. de Oliveira

SAMBA DO POENTE

Mirian Menezes de Oliveira

 

O sol imponente deita,

na linha azul do horizonte.

Matizes sensuais do leito,

“esquentam” por trás dos montes.

 

O rosto de meu amado

desfaz-se das nuvens brancas...

e o amor, guardado no peito,

desdobra-se em notas francas...

 

Beijo quente no poente!

O “peito” lateja em COR:

o horizonte em tons ardentes,

disfarça “driblar” a DOR.

 

O ocaso abraça a noite...

(Ó partitura do AMOR!)

Amor tão perfeito assim...

Só o do néctar em flor!

 

O sol do poente vibra,

tal como a roda de samba.

Quem ama se perde todo,

na linha invisível e bamba.

 

In.: III Musical de poesias em samba/ Organização: Jô Mendonça Alcoforado – João Pessoa: Editora Intercâmbio Cultural, 2016.

 

 

Conheça outros parceiros da rede de divulgação "Divulga Escritor"!

 

        

 

 

Serviços Divulga Escritor:

Divulgar Livros:

 

Editoras parceiras Divulga Escritor