Sorri - por José Sepúlveda

Sorri - por José Sepúlveda

Sorri

 

Sorri, amor, eu quero o teu sorriso,

Sorri quanto estiver no teu regaço

É nesse olhar sereno onde deslizo

Me perderei no teu imenso abraço 

 

Sorri, o teu sorriso brando, lindo,

Não deixa de me dar paz e alegria

O teu sorriso, amor, perene, infindo,

É meu deleite, gozo e harmonia

 

Sorri para meus olhos e acredita

Que se este meu olhar pra ti se agita

É por te ver sorrir com tanto amor

 

Por isso, minha amada, sorri sempre

E ter me as no teu olhar presente

Num longo abraço cheio de candor

 

 

Conheça outros parceiros da rede de divulgação "Divulga Escritor"!

 

       

 

 

Serviços Divulga Escritor:

Divulgar Livros:

 

Editoras parceiras Divulga Escritor