Talvez - por Maria Estela Ximenes

Talvez - por Maria Estela Ximenes

TALVEZ

 

Ela procurava  incansavelmente. Procurava  a chave perdida, o abraço restrito,   o fio de cabelo  caído  no chão. Coisas perdidas  que só  tinham relevância para ela.

 Perdeu ou deliberadamente deixou  perder? Talvez  os rumores  em sua volta tenham  contribuído para que perdesse tais coisas. Talvez  sim, talvez não.

Sabia que inúmeros fatores tinham colaborado  para a ausência, que as  coisas perdidas estavam relacionadas com tumultos. Como se tivesse pisado em  cacos de vidro,   tinha ferido. Por isso,  a  urgência em achar o que procurava.

 Assim que  encontrasse agiria rapidamente;  com a chave,  abriria  a porta que a expulsou da situação. Desprezaria de uma vez por todas  o abraço que de  tão apertado já não agradava. Deixaria escapar pelo ralo do banheiro o  fio de cabelo que não  pertencia  a sua cabeleira. 

Sozinha ela procurava esses itens  porque  queria ter a certeza de que eles não mais atrapalhariam a sua vida. Ansiava enterrá-los.

 

 

Conheça outros parceiros da rede de divulgação "Divulga Escritor"!

 

        

 

 

Serviços Divulga Escritor:

Divulgar Livros:

 

Editoras parceiras Divulga Escritor