Verdade e Mentira - por Lígia Beltrão

Verdade e Mentira - por Lígia Beltrão

VERDADE E MENTIRA

 

Disse-me a razão: - Este amor é mentiroso!

Mostraram-me os dias dores desconhecidas

E assim chorando lágrimas não merecidas

Fiz do amor julgamento cruel e rigoroso.

 

Quis fugir, mas vi, era tarde, não podia,

Se aquele amor era agora todo o meu bem

Riqueza igual só poucos como eu, têm

E por nada do mundo este bem eu trocaria

 

Vi que o amor é bom, amigo e assim fosse,

Que vem ao que se faz bem merecido

Inda que venha do desengano e da dor

 

E Deus em boa hora de mim apiedou-se

Compreendi que foi em vão o tanto sofrido

E meu coração tonto e feliz... Vive agora o amor!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Conheça outros parceiros da rede de divulgação "Divulga Escritor"!

 

       

 

 

Serviços Divulga Escritor:

Divulgar Livros:

 

Editoras parceiras Divulga Escritor